UFABC

“É preciso popularizar a ciência no Brasil”, afirma reitor em congresso da UFABC

Mesa temática debateu as contribuições das ciências e das universidades no combate à pandemia da Covid-19

Texto: Fabrício Soveral
Foto: Reprodução/Youtube UFABC

UFABC

O reitor da UFG e presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), Edward Madureira, participou nesta sexta-feira (11/9) da mesa temática "Relevância da ciência e das universidades no combate à pandemia". O evento online faz parte do II Congresso da Universidade Federal do ABC (UFABC).

A mesa teve a mediação do pró-reitor de Pós-graduação da UFABC, Charles Morphy, e contou com as presenças do presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e professor da UFRJ, Ildeu Moreira, e da deputada federal e professora da UFJF, Margarida Salomão.

Os debatedores destacaram a importância das universidades através do trabalho científico na busca por soluções de problemas causados pela pandemia da Covid-19, em ações como a fabricação de EPIs, criação de testes para a Covid-19, estatísticas e mapeamento da pandemia, entre outras. Ainda falaram sobre a necessidade de investir mais em ciência no país e na criação de uma cultura científica.

Edward Madureira disse que é preciso popularizar a ciência no Brasil. “Se a gente for esperar construir os museus de ciências que necessitamos para despertar o gosto pelas ciências nas crianças e jovens vai demorar muito tempo. Mas se, com criatividade, aproveitarmos os professores nas universidades e nos institutos federais entusiasmados com a popularização da ciência, a gente pode promover essa cultura para os jovens e então podemos ter mais esperança no país.”

Fonte: Reitoria Digital/UFG

Categorias: NOTÍCIAS