garcia1

HC-UFG é referência para pacientes graves de Covid-19, diz superintendente

José Garcia Neto conversou com reitor da UFG em live, nesta sexta-feira (22/5)

Texto: Fabrício Soveral
Foto: Reprodução/Instagram @reitoriaufg

garcia

O reitor da UFG, Edward Madureira, teve como convidado em live no Instagram, nesta sexta-feira (22/5), o superintendente do Hospital das Clínicas da UFG, José Garcia Neto. O assunto principal foi o trabalho do hospital no combate à pandemia do novo Coronavírus e o quadro esperado para as próximas semanas.

José Garcia destacou que atualmente o HC-UFG é referência no estado de Goiás para o tratamento de pacientes com casos graves de Covid-19. “Estamos internando pessoas que já possuem outras comorbidades, ou seja, casos mais complicados de serem tratados. Mas até hoje não tivemos nenhum óbito entre 169 pacientes internados com suspeita, sendo 24 com casos confirmados de Covid-19”, ressaltou.

O reitor questionou o superintendente do HC sobre o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratar da doença. Garcia afirmou que atualmente são dez leitos disponíveis, mas que o HC-UFG trabalha para ter a capacidade de funcionar com 40 leitos de UTI. “Acreditamos que isso é muito importante porque vai propiciar à cidade uma segurança maior no caso de uma explosão demográfica da infecção”, argumentou.

Sobre a Covid-19, Garcia disse que infelizmente o momento é de aumento na curva de infectados e que “pelas análises epidemiológicas a pior fase na nossa região será em junho”.

O reitor da UFG reafirmou o compromisso da gestão de tentar equipar o HC-UFG cada vez mais através de parcerias e convênios e agradeceu a todos os envolvidos na Universidade no trabalho de combate à pandemia.

Fonte: Reitoria Digital

Categorias: Notícias Coronavírus HC/UFG